Pilares da Terra vol. I, de Ken Follett

Este é um daqueles livros a que não está associada qualquer tipo de publicidade ou de pretensão comercial; o principal segredo do seu êxito a nível mundial foi o chamado “marketing boca-a-boca”. “Os Pilares da Terra” é uma história dividida em dois volumes da autoria de Ken Follett, reconhecido entre um dos mais emblemáticos escritores de histórias policiais. Contudo, “Os Pilares da Terra” está longe de ser um livro policial ou de suspense.

O primeiro volume d'”Os Pilares da Terra” trata-se de um arrebatador romance histórico que se revelou ser uma obra-prima aclamada pela comunidade de leitores de vários países que, num verdadeiro fenómeno de passa-palavra, a catapultaram para a ribalta. Originalmente publicado em 1989, chegou a Portugal em 1995, publicado por outra editora portuguesa, recuperando-o agora a Presença para dar continuidade às obras de Ken Follett. O seu estilo inconfundível de mestre do suspense denota-se no desenrolar desta história épica, tecida por intrigas, aventura e luta política.

A trama centra-se no século XII, em Inglaterra, onde um pedreiro persegue o sonho de edificar uma catedral gótica, digna de tocar os céus. Em redor desta ambição soberba, o leitor vai acompanhando um quadro composto por várias personagens, colorido e rico em acção e descrição de um período da Idade Média a que não faltou emotividade, poder, vingança e traição.

Apreciação

Depois de ler “A Ameaça”, um policial deste autor, confesso que a vontade em começar “Os Pilares da Terra não era muito. Contudo, facilmente me rendi.

Não é fácil mergulhar na Inglaterra medieval de uma forma simples e fluente. Contudo, em “Os Pilares da Terra” somos transportados ao século XII para conhecer um leque de personagens apaixonadas, intensas e envolventes. Começamos por conhecer Tom, o pedreiro, um homem honesto e paupérrimo que vagueia com a família à procura de trabalho, enquanto sonha com a construção de uma catedral. É com Tom que nos cruzamos com as restantes personagens que dão forma ao enredo: Waleran, o bispo, William Heimleigh, o filho de um conde, Phillip, o prior de Kingsbridge. É com estes que “Os Pilares da Terra” nos dá a conhecer uma Inglaterra medieval pobre e degradada, apresentando-nos os seus costumes e supertições, ao mesmo tempo que observamos uma maturidade cada vez mais intensa das personagens que acompanhamos. O segundo volume promete!

Ficha técnica

Editor: Editorial Presença
Colecção: Grandes Narrativas
ISBN: 9789722337885
Ano de Edição/ Reimpressão: 2007
N.º de Páginas: 504