Sugestão de fim-de-semana * Weekend suggestion

Aquecer as mãos numa chávena de chá bem quente.
Warm your hands in a hot cup of tea.

Fazer uma sessão de cinema em casa.
Plan a home-cinema session.

E ler um livro.
And read a book.

processo

Der Process (a.k.a. The Trial and O Processo, 1925), Franz Kafka

Um belo dia, Joseph K., um bem sucedido gerente bancário, é subitamente preso no seu próprio quarto, sem saber porquê nem por quem. Vê-se então envolvido num labiríntico e absurdo processo que decorre secretamente algures nas secretarias instaladas nos sótãos e é conduzido por juízes menores, que têm a mera incumbência de o inquirir. Concebido em 1914 (na sequência do doloroso rompimento do noivado com Felice Bauer), de uma forma fragmentária, com capítulos completos e outros por completar, passíveis de serem facilmente deslocados dentro de uma estrutura circular, o romance “O Processo2, que é em si também um fragmento, constitui para Kafka a forma ideal para expressar a fragmentação do mundo e da realidade em que vive o homem moderno. Nesta perspectiva, “O Processo” representa um marco na história do romance moderno.

Written in 1914 but not published until 1925, a year after Kafka’s death, The Trial is the terrifying tale of Josef K., a respectable bank officer who is suddenly and inexplicably arrested and must defend himself against a charge about which he can get no information. Whether read as an existential tale, a parable, or a prophecy of the excesses of modern bureaucracy wedded to the madness of totalitarianism, The Trial has resonated with chilling truth for generations of readers.