Tarefas Infinitas – Quando a Arte e o Livro se Ilimitam

Tarefas infinitas - Gulbenkian

Até ao dia 21 de Outubro, o Museu Gulbenkian, em Lisboa, mostra como a arte e os livros andam de mãos dadas numa “tarefa infinita”.

Que os livros são janelas para o mundo já se sabia. Mas essas janelas podem ser abertas antes mesmo de se lerem as palavras dos seus autores. Um livro é também um objecto para olhar, manusear, folhear, cheirar. Os livros podem ser objectos admiráveis e alguns deles estão na exposição “Tarefas Infinitas – Quando a Arte e o Livro se Ilimitam”, que se inaugura hoje no Museu Gulbenkian, em Lisboa.

A mostra é organizada pelo Museu Gulbenkian em colaboração com a Biblioteca de Arte Gulbenkian, e com curadoria de Paulo Pires do Vale. Partindo do espólio do coleccionador Calouste Sarkis Gulbenkian (1869-1955), “que procurou, investigou e adquiriu obras de arte e livros excepcionais, não apenas pelo seu conteúdo informativo, mas pela sua beleza e criatividade artística”.

Notícia publicada no DN online a 20.07.2012.