Sugestão de fim-de-semana * Weekend suggestion

 

Estar mais dentro tempo de água do que fora.
Spend more time in water than out of the water.

Acompanhar o “Rover” em Marte.
Follow “Rover” in Mars.

E ler um livro.
And read a book.

Lost and Philosophy: The Island Has Its Reasons (a.k.a. A filosofia segundo Perdidos, 2007), Sharon M. Kaye

Como uma notável série televisiva faz luz sobre a condição humana e coloca algumas das questões mais profundas a que todos temos de responder

Quantas vezes nos sentimos perdidos? Todos nós já perdemos, seja numa ilha, seja nas malhas obscuras da vida. A série televisiva «Perdidos» aborda o nosso medo mais profundo: o de sermos isolados de tudo o que conhecemos e amamos, abandonados à própria sorte numa terra estranha.

Quando o Voo 815 se despenha numa remota ilha tropical, aterra num caleidoscópio filosófico. Os sobreviventes agrupam-se num bando para se protegerem contra perigos surreais. Mas quem guardará os guardiães? Reduzidos ao estado selvagem, os nossos escassamente vestidos e bronzeados heróis ficam a saber que já estavam perdidos muito antes do acidente. Ao vê-los lutar contra os seus demónios, poderemos perceber que também estamos perdidos. Locke, Rousseau, Hume: quem são estas pessoas?

Por vezes, parece que é preciso um curso universitário para perceber a série. Mas não é. Basta este livro, em que 27 filósofos exploram as profundas questões que todos enfrentamos, enquanto sobreviventes neste planeta:
– Será que tudo acontece por uma razão?
– Em algum caso se poderá justificar a tortura?
– Quem são os Outros?
– Como sabemos que não somos pacientes na enfermaria psiquiátrica de Hurley?
– E se a iniciativa Dharma estiver a fazer experiências connosco?

Desmond poderá não ser capaz de salvar Charlie, mas este livro pode salvar-vos.

Sometimes it feels like you need a Ph.D. to follow the show. But you don’t. You just need this book in which twenty-one philosophers explore the deep questions we all face as survivors on this planet: Does “everything happen for a reason”? Is torture ever justified? Who are the Others? How do we know we’re not patients in Hurley’s psych ward? What if the Dharma Intitiative is experimenting on us? Desmond may not be able to save Charlie, but this book could save you.

A provocative study of the hit television show, “Lost,” currently in its third season and set to reach its climax in 2010
– Highlights the sense in which “Lost” is a genuinely philosophical show
– Helps fans understand and navigate some of “Lost’s” deeper meanings
– Connects episodes and events in the show to core philosophical issues such as truth, identity, and morality
– Shows that it’s no accident that there are “Lost “characters names Locke, Rousseau, and Hume.