Sugestão de fim-de-semana

Consta que, em Portugal, o Verão prolongou um pouco a sua estadia e, porque sabemos que é mesmo nosso aproveitar o calor até à última, as sugestões para este fim-de-semana esperam ser inspiradoras!

O FOLIO termina no próximo domingo, por isso não há como fugir a escolher as próximas leituras. Aliás, neste festival literário poderemos ir muito para além disso: entre sessões de autógrafos, diálogos e encontros, programas não faltam. Hoje, por exemplo, acontecerá uma conversa entre Francisco José Viegas e Gabriel Alves sobre Jornalismo, Utopia e Futebol; amanhã decorre o mercado ilustrado; e, no Domingo, Frederico Lourenço fará uma apresentação da sua (recentíssima) tradução da Bíblia, cujo primeiro volume acabou de chegar às livrarias.

folio2016

A segunda edição do FOLIO – Festival Internacional de Literatura de Óbidos, organizado pelo Município de Óbidos, celebra a(s) Utopia(s) este ano.

Do leque de convidados, especial destaque para o Nobel da Literatura V.S.Naipaul e Salman Rushdie, juntamente com outros autores portugueses, como Miguel Sousa Tavares e Afonso Cruz ou a escritora angolana Djaimilia Pereira de Almeida ou o autor islandês Jón Kalman Stefánsson.

A Casa do Coreto Lua Cheia, em Lisboa, no Sábado às 16h e no Domingo às 11h30, propõe um programa em família. Encarnar personagens e entender o teatro são os dois grandes desafios desta Companhia.

sugestoes_teatro_contamehistoria

É o que nos pedem as crianças quando se vão deitar. E também foi, com certeza, o que pedimos aos nossos pais quando éramos crianças. O espectáculo quer reflectir esse presente, o momento de comunhão em que todos são actores e espectadores, contadores de histórias e personagens, relembrando à família o seu importante papel na relação do momento.

Para todos aqueles que em tempo quente gostam de acompanhar temas quentes, a Bertrand Editora sugere O Euro, o mais recente livro do Nobel de Economia Joseph Stiligtz, que pondera sobre a moeda única e sobre o futuro da economia europeia. E o mais curioso é que esta obra em Português conta já com uma reflexão do economista sobre o Brexit.

O Euro

Como uma moeda comum ameaça o futuro da Europa Pensava-se que o euro iria aproximar a Europa e promover a prosperidade, mas, na verdade, tem-se verificado exatamente o contrário. A crise de 2008 revelou as principais debilidades do euro. A estagnação da Europa e as suas perspetivas sombrias são o resultado direto das principais falhas inerentes ao projeto europeu – a integração económica sobrepõe-se à integração política com uma estrutura que promove mais a divergência do que a convergência. A questão que se coloca então é: o euro pode ser salvo?

Nesta obra, Joseph Stiglitz vem mostrar como o mandato do Banco Central Europeu está erradamente obstinado pelo controlo da inflação e apresentar três alternativas futuras: uma reforma profunda na estrutura da Zona Euro e nas políticas impostas aos países-membros mais atingidos; uma gestão cuidada para acabar com a Zona Euro; ou um novo sistema corajoso, apelidado “euro flexível”. Uma leitura urgente e essencial.

Conheci a Yrsa Sigurdardóttir a partir do seu mais recente livro lançado em Portugal, o Silêncio do Mar. E, porque ler apenas um livro da Yrsa me parece pouco, já está na mesa de cabeceira o Alguém Para Tomar Conta de Mim, editado em 2015 em português pela Quetzal Editores. 

alguem_tomar_conta_mim

Uma nova história da aclamada série de thrillers, protagonizada por Thóra Gusmundsdóttir. Uma brilhante prestação na escrita policial. A multipremiada islandesa Yrsa Sigurdardóttir, autora de bestsellers regressa com novo livro, considerado pelo britânico Sunday Times como o policial do ano.  Um jovem adulto com síndroma de Down foi condenado por ter ateado fogo às instalações do lar de cuidados continuados em que vivia, provocando um incêndio que causou cinco mortos. Porém, um dos ocupantes da ala psiquiátrica de segurança em que agora se encontra vai contratar Thóra para provar que Jakob está inocente. Mas se não foi Jakob o autor do crime, quem será? E de que forma é que o múltiplo homicídio estará ligado à morte de uma jovem mulher por atropelamento e fuga?

E, para uma tarde solarenga com uma leitura em português, parece-me indicado o mais recente livro de Mário de Carvalho. Ronda das mil belas em frol acabou de chegar às livrarias e promete umas horas de descontracção e diversão.

ronda_mil_belas_frol

Eis um livro de ficção sobre sexo. Todas as histórias nele contidas narram percalços, espantos e sobressaltos de ligações íntimas entre homens e mulheres. O que se desvenda, o que se oculta. Rasgos perversos. Permanências e rupturas. Nem sempre se encontra o que se espera, nem se espera o que se encontra. A variedade é avassaladora. A diferença inevitável. Neste jogo de corpos enlaçados, não poucas leitoras ficarão admiradas com certo olhar masculino. Talvez passem a conhecer ainda melhor outras mulheres. E os leitores também não perdem nada em saber o que pode surpreendê-los nas voltas do mundo.

Bom fim-de-semana!